Definição educação inclusiva

Definição educação inclusiva

No seu sentido mais amplo, educação significa o meio em que os hábitos, costumes e valores de uma comunidade são transferidos de uma geração para a geração seguinte. Refere-se à reestruturação da cultura, da prática e das políticas vivenciadas nas escolas de modo que estas respondam à diversidade dealunos. Uma definição que gosto é “A inclusão prevê a inserção escolar de forma radical, completa e sistemática. A educação inclusiva diz respeito a todos.

Definição educação inclusiva

Apesar do foco nas pessoas com deficiência, tendo em vista o histórico de privação da participação desse público nas redes de ensino, o DIVERSA adota um conceito amplo de diversidade humana para pensar a educação inclusiva , cujo público-alvo são todas as crianças. Significado de Inclusiva no Dicio, Dicionário Online de Português. O que é inclusiva : sf (fem de inclusivo) Ação de admitir no conclave um cardeal que chegou depois de findo o. Educação especial x Educação Inclusiva. Vamos definir com outras palavras.

Trata-se de ser proativo na identificação das barreiras e obstáculos que os estudantes encontram na tentativa de acesso a oportunidades de educação de qualidade, bem como na eliminação das barreiras e obstáculos que levam à exclusão. O presente trabalho tem como objetivo evidenciar o papel dos jogos recicláveis como recurso facilitador no processo ensino-aprendizagem na educação inclusiva. Diante dos resultados, percebe-se que com os jogos recicláveis ajuda a criança na evolução, atenção, coordenação motora no seu desenvolvimento escolar. Confira os diferentes tipos de educação , que engloba diversas modalidades, como a educação permanente, continuada, especial e inclusiva.

Veja uma breve definição de cada uma delas. Os conceitos fundamentais que você precisa saber para incluir alunos com deficiência e construir uma educação inclusiva na prática. Além da necessidade de ampliar esta política para todas as escolas em território nacional, muitas instituições, e a sociedade como um todo, acabam restringindo o ensino inclusivo apenas à pessoas com necessidades especiais, deixando de lado alunos que sofrem com distúrbios. Inclusão social, educação inclusiva e educação especial: enlaces e desenlaces Com este editorial objetiva-se estabelecer diferenças, pontos e contrapontos entre inclusão social, educação inclusiva e educação especial. O conceito de inclusão vem sendo amplamente e demasiadamente mal compreendido segundo a interpretação do senso comum.

Dislexia auditiva (Fonológica ou Disfonética) A criança com dislexia auditiva tem problemas com certas funções auditivas intra-sensoriais, tendo dificuldade, por exemplo, em distinguir as unidades de som da linguagem, sendo-lhe difícil, portanto, transformá-las em palavras ou, vice-versa, pode não conseguir dividir uma palavra nas suas partes mais simples (sílabas). Não podemos falar em educação especial sem pensar na educação de todos. O paradigma da inclusão serve de parâmetro à gestão educacional e para a efetivação de projetos político pedagógicos que privilegiem o respeito à diferença, numa transformação histórica para os processos de exclusão, presentes na educação brasileira. Por esse motivo há que saber compreender as as individualidades dos alunos com necessidades educativas especiais (nee) uma vez que estes terão limitações que não estão ajustadas ao ritmo de ensino normativo. Definição : Nesta deficiência há sequelas de transtorno psíquico associado a quadros de depressão, síndrome do pânico.

Bom, vou te contar uma coisa antes de prosseguir. Alunos com Deficiências. Com este documento orientador pretende-se contribuir para um melhor desempenho docente, uniformizando, simultaneamente, alguns procedimentos, numa perspetiva transversal a todo o agrupamento de escolas. O próprio nome já diz muita coisa! Manual de Apoio à Prática Na sequência da publicação do Decreto-Lei n. Acreditamos também que o projeto, possa ter esclarecido o que é educação inclusiva , pois abordamos esse tema de uma maneira simples e bem didática, facilitando assim o entendimento.

E que consigamos ter desmistificado algum tipo de preconceito que alguém possa ter tido, muitas vezes por falta de informação. Infantil, séries iniciais do Ens. Visitamos duas escolas municipais para conhecer como eles trabalham a inclusão de pessoas com deficiência. Nesta reportagem conheceremos a JEIF – Jornada Especial Integral de Formação.

A prática da educação inclusiva exige necessariamente a cooperação entre todos os alunos (o ensino coletivo) e o reconhecimento de que ensinar uma turma é, na verdade, trabalhar com um grande grupo e com todas as possibilidades de o subdividir. Fotopoulos descreve a Democracia Inclusiva como uma nova concepção de Democracia, que, usando como ponto de partida a sua definição clássica, expressa a democracia em termos de democracia política direta, democracia econômica (além dos confins da economia de mercado e do planejamento estatal), bem como democracia no campo social e democracia ecológica. Algumas das questões colocadas centram-se na função do docente de educação especial neste novo paradigma da educação inclusiva. Em uma sala de aula acadêmica, há alunos com perfis muito diferentes, portanto, a escola inclusiva é aquele que é definido pela integração de todos os alunos, fornecendo uma educação com uma adaptação de currículo, que leva em conta as características e necessidades de cada aluno. O professor, na perspectiva da educação inclusiva , não é aquele que ministra um “ensino diversificado”, para alguns, mas aquele que prepara atividades diversas para seus alunos (com e sem deficiência mental) ao trabalhar um mesmo conteúdo curricular.

Hoje sabemos que por definição a educação é inclusiva e não existe a possibilidade de apontarmos se, esse ou aquele aluno, deveria frequentar a “sala de aula regular”. Não está em discussão se queremos um sistema educacional inclusivo, essa questão já está definida. O processo do sujeito com deficiência no contexto da educação e na sociedade brasileira deve pertencer a toda a sociedade que tem que tomar para si o dever ético de promover a inclusão de todos os indivíduos.

Este compromisso com o processo de inserção das pessoas com deficiências tem que perpassar todas as instância dessa sociedade. Quando a educação inclusiva é totalmente abraçada, nós abandonamos a idéia de que as crianças devam tornar-se normais para contribuir para o mundo. A escola, por definição , assume como principal objetivo o ensinar a todos e estar habilitada para o fazer.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *